Blog / Notícias

A IMPORTÂNCIA DA AMIZADE

Notícias 25/08/2020

Em entrevista à rádio Sociedade, a psicóloga Lara Cannone fala sobre a importância de cultivar a amizade ao longo da vida.

 
A amizade pode fazer um bem enorme à saúde mental e social do indivíduo. Dividir momentos com pessoas, sejam elas do trabalho, da família ou mesmo nas relações amorosas pode ser fundamental para o amadurecimento do indivíduo.
 
Lara afirma que se relacionar através da amizade é importante para a construção do ser humano:
 
“É algo que não existe na obrigação ou interesse, mas no desejo de compartilhar a vida com alguém. A gente fala sobre um sentimento autêntico. É o vínculo que chega mais perto da sensação de liberdade que a gente tem, porque não temos nenhuma obrigação de ter essas pessoas em nossas vidas, e mesmo assim escolhemos que elas estejam ali.”.
 
Confira a entrevista:

 

Amizades e amizades

É comum que as pessoas desenvolvam uma rotulação das amizades: amigo de balada, amigo de trabalho, amigo de futebol, etc. Essas classificações podem ser fundamentais para uma melhor estruturação dos níveis de confiança e respeito, fatores essenciais em qualquer relacionamento.
 
“A gente pode ter aquele amigo perfeito pra ir a uma festa, mas pode ter aquele que é pra um momento de conversar sobre situações mais difíceis – é possível ter vários tipos de amizade”, exemplifica a psicóloga.
 

Amizade tóxica

Entretanto, é possível que dentro de uma relação haja uma pessoa tóxica, que muitas vezes trata o relacionamento de uma maneira diferente do esperado. Lara enfatiza que os relacionamentos abusivos não se configuram apenas no relacionamento amoroso, mas na amizade também. Para ela, quando aquela amizade te traz mais mal estar do que momentos de prazer, podemos considerar que se trata de uma “amizade tóxica”.
 
“Amizade é entrega de confiança a alguém. Se isso não está sendo possível, talvez não exista uma amizade aí. Se você desenvolve um vínculo intenso, isso pressupõe que existe espaço para comemorar tanto as vitórias, quanto os momentos de ser acolhido. Se aquela pessoa não está comemorando seu sucesso isso é, no mínimo curioso, é uma coisa a se pensar”, finaliza a psicóloga.

Inscreva-se para receber conteúdo sobre Psiquiatria e Saúde Mental

Cadastrar